Publicado em: 26 nov 2021

Flagra: Show de João Gomes na vaquejada da babilônia é marcado por bagunça e sexo explicito

Um show do cantor João Gomes virou assunto no Twitter na tarde desta quinta-feira (25). Isso porque, de acordo com internautas que compareceram ao evento, houve desde pessoas fazendo sexo no meio de todos até fãs queimados com fogos de artifício. Tudo isso e muito mais ocorreu numa vaquejada em Mossoró (RN), mas muitos internautas disseram ter parecido com o as cenas da vaquejada Bemais.

Assim como aconteceu na vaquejada do Parque Bemais, em São Miguel de Taipu, região imediata de João Pessoa, o município de Mossoró, no Rio Grande do Norte, teve uma festa agitada e cheia de confusão. Teve gente caindo da mesa, fazendo sexo em público, defecando em carro de motorista da Uber e pessoas embriagadas dormindo no chão.

São diversos vídeos que estão rolando nas redes sociais. Em um deles, uma jovem mostra que teve os dedos queimados dos fogos que foram soltos do palco do show de João Gomes. Ela se perdeu da amiga, ficou próxima de outras pessoas na festa e, no final, reencontrou a companheira de farra, a qual tinha tido os pertences todos furtados. A moça queimada relatou ter andado por 5km na chegada e saída até o local do show, assim como aconteceu com o público no Parque Bemais, na Paraíba.

O evento está sendo considerado o mais ‘desmantelado’ de Mossoró. (Confira os vídeos abaixo)

A festa em Mossoró teve situações como a de um casal caindo no chão após ficar de pé sobre uma mesa frágil de plástico. Um motorista da Uber contou nas redes sociais que uma passageira fez cocô na roupa e sujou o banco de seu carro. Noutra situação, uma mulher estava pendurada em um homem com a saia levantada, enquanto ele estava com as calças um pouco abaixadas enquanto faziam movimentos de sexo, sugerindo que houve penetração.

Nos vídeos que circulam nas redes sociais, é possível ver o registro de pessoas bêbadas sendo carregadas, dormindo ao chão, subindo na estrutura da festa e dançando, dentre outras peculiaridades.




Acompanhe as notícias do Portal do Litoral PB pelas redes sociais: Facebook e Twitter

O que achou? Comente...