Deputado apresenta voto de aplauso a diretor de presídio de Sapé
Portal do Litoral PB, 23 de Novembro de 2014
  • Facebook do Portal do Litoral PB
10 dez 2013

Deputado apresenta voto de aplauso a diretor de presídio de Sapé

o-ex-detento-antonio-galdino-da-silva-neto-no-presidio-de-sape-pb-que-dirige-1385200361901_615x300O deputado estadual Frei Anastácio (PT) apresentou voto de aplauso ao diretor-geral do presídio de Sapé, Antônio Silva Neto, pela humanização adotada na administração que ele está realizando na unidade prisional. “É um exemplo que o governo do estado deveria adotar para o restante dos presídios”, disse o deputado.

Frei Anastácio ressaltou o diretor transformou o isolado, que é usado para castigar presos, numa biblioteca. É uma penitenciária sem fuga, com os apenados trabalhando e estudando e com índice de reincidência de dois a cada 100 condenados. Toda essa reviravolta no presídio de Sapé aconteceu depois que Antônio Silva Neto se tornou diretor-geral do presídio da cidade de Sapé, no dia 12 de julho de 2011”, destacou.

O deputado ressaltou que por esses resultados animadores, a Paraíba foi destaque positivo em rede nacional, na TV Record, numa ampla reportagem veiculada no programa Domingo Espetacular, do dia 01.12.2013.
“A reportagem mostrou uma forma totalmente humanizada de administrar um presídio. A maneira como Silva Neto está administrando faz renascer a esperança de que ainda é possível realizar a ressocialização de pessoas que cometem crimes”, disse.

Deputado critica fechamento de delegacias
O deputado criticou o fechamento das delegacias durante a noite, em João Pessoa. “Fiquei estarrecido ao saber através de noticiário de TV, que a partir de agora apenas duas delegacias irão funcionar durante a noite em João Pessoa. Segundo o noticiário, apenas a delegacia de Mangabeira e a que fica em Manaíra, ficarão abertas durante a noite. Queria que isso não é verdade, mas infelizmente é”, disse.

O deputado acrescentou que enquanto a violência se alastra, a segurança encolhe, no estado. Já não basta saber que o orçamento para 2014 foi diminuído em 18%, pelo governo do estado. Agora vem essa notícia que assustou até os comunicadores que são pagos pelo governo para falar bem dele”, lamentou.

O petista disse que essa é uma situação muito grave, e acho que a Assembleia Legislativa não pode ficar de braços cruzados. Somos 36 deputados eleitos pelo povo, para lutar pelo povo. “E a população está assustada, desesperada”, concluiu.